Porre de filmes| Encontre Deus e vários questionamentos na adaptação de 'A cabana'

00:11 19 Comments A+ a-


Mark Phillips (Sam Worthington) é um cara que tem tudo o que deseja e ama todas as coisas que tem, inclusive Nan, sua mulher, seus filhos e sua família. Ele não poderia ter esperado algo melhor da vida, visto que sua infância não foi das melhores, pois ele tinha a presença de um pai alcoólatra e abusivo. Porém, o destino ficou do lado dele e ele conseguiu encontrar em sua família todo o amor que não encontrou na relação com os pais. Poderia ser uma história como outra qualquer e com um final de "felizes para sempre", mas não é bem assim, Mark nem sabe que vai passar por uma das maiores provações de sua vida e pode não sair tão ileso disso. Em uma viagem de acampamento, sua filha mais nova é raptada e brutalmente assassinada. Algum tempo depois de encontrar sua filha numa cabana destruída, ele recebe um "convite" para retornar àquele lugar horrível que o traz tanta dor. Mark só não esperava que aquele convite tivesse vindo diretamente dos céus, literalmente.

Acho que todo mundo já conhece ou ouviu falar de  A cabana, o livro é um best-seller há mais de DEZ ANOS, isso mesmo DEZ ANOS, então ela já está pra lá de batida, por isso mesmo que vou tentar não fazer muitas menções no texto ao livro, por dois motivos: 1) eu o li quando tinha 15 anos, considerando que tenho 24... é muito tempo pra lembrar e 2) isso é uma crítica/resenha do filme. 

Como já falei lá, Mark é um cara normal, tem uma boa família e é feliz, até que tudo é destruído com a morte de sua filha. O convite que ele recebe de Deus (Octavia Spencer) parece ser a oportunidade de vingança contra o assassino de sua filha, já que ele não imagina que tal pedido tenha vindo de Deus. Ele fica tão surpreso ao saber que não consegue lidar com isso. Com o transcorrer do filme, Mark vai sendo apresentado a vários fatos e realidades de sua fraqueza como humano. Para mim, um dos momentos mais marcantes do filme é seu encontro com a Sabedoria (Alice Braga), trazendo, assim, uma reflexão não só para Mark, mas também para quem assiste ao filme.

Falando sobre encontros, queria abrir um parênteses aqui para dizer que não sei exatamente se gostei da forma como o filme abordou esses "encontros" que Mark precisava ter em sua jornada. Em vários momentos do longa, senti como se estivesse vendo vários episódios de uma série, um após o outro. A impressão que tive foi que a "conversa'" entre esses encontros ficou um pouco falha e vazia, pareceu que toda a sua estadia com Deus não teve importância. Quem leu o livro, sabe que não é bem assim, mas, novamente, entendo que é uma adaptação, e considerando que o livro traz uma história de muita reflexão, apesar desse "pequeno problema", o longa consegue passar essa mensagem extremamente bem.

Queria dizer que chorei horrores. Lembro de não ter conseguido ser tocada tão profundamente pelo livro (o que vai me render uma releitura, porque acho que era muito nova para o poder da mensagem que o livro carrega). Porém, o filme me fez desidratar e falo para os que já são pais se prepararem, pois não tem como não se identificar e não se colocar no lugar de Mark. O filme nos faz se perguntar a sobre capacidade de passar por cima de nossa dor e entender o outro, sendo mais claro, sair da sua bolha e ser empático. Confesso também que me percebi muito egoísta, não sou mãe, mas confesso que talvez não conseguisse perdoar e deixar ir, não conseguiria passar por tudo que Mark passou e não ter ao menos o dobro da revolta que ele tem/teve.

O filme aborda assuntos muito, muito discutidos: Deus e religião, mas nada de ênfase em uma ou outra religião, muito pelo contrário, em um momento, Deus chega até a falar o quanto as pessoas falam sobre religião e pouco sobre o real perdão e o amor. 

A cabana é uma história de superação, os temas abordados serão depressão, luto, sobre pais, sobre amor e, acima de tudo, fala sobre como o perdão te liberta, o quanto ser caridoso e empático é difícil, mas o mais importante é que o filme chega num momento muito oportuno ao mercado, em um momento que se discute sobre uma terceira guerra mundial, onde as pessoas passam por cima sem olhar para o outro que está abaixo de você, um caos. E que mensagem ele carrega! Cinco estrelas e muitas lágrimas. Espero que o filme agrade a todos e que a mensagem do filme não só seja entendida, mas praticada. 

Jornalista, taurina, viciada em livros, filmes, seriado e em conhecer novos lugares. Adora estudar inglês e acha que essa deveria ter sido sua língua mãe.

19 Comentários
Comentários

19 comentários

Write comentários
13 de abril de 2017 00:44 delete

Oi, tudo bom?
Eu tentei ler essa obra quando era bem mais nova, e ela não me agradou.
Agora, com o lançamento do filme, terei que dar uma chance pois estou muito curiosa sobre a adaptação, ainda mais com tantos elogios <3

Reply
avatar
13 de abril de 2017 00:53 delete

Estava me perguntando quanto o livro/filme falava de religião, e por não saber a respeito disso que nunca cheguei perto do livro. Agora com seu comentário sobre a religião não estar inclusa eu me animo tanto a ler qt ver o filme...E espero gostar, afinal a ideia é boa!

Miquilis: Bru

Reply
avatar
Marta Izabel
AUTHOR
13 de abril de 2017 01:11 delete

Oi, Rai!!
Nunca li o livro A cabana e também não tinha muito interesse em ler, mas recentemente assistir o trailer e fiquei enlouquecida para ler o livro e assistir o filme A cabana!!
Beijoss

Reply
avatar
13 de abril de 2017 01:11 delete

Oi. :)
Admito que não sou muito fã de adaptações feitas baseadas em livros, ainda mais sendo um livro que eu gostei, mas tem aqueles filmes que conseguem ser ate melhor que o livro, e esse é o caso do filme e livro A Cabana, estou super curiosa pra assisti o filme depois de assistir os trailer, mas antes quero muito ler o livro :).

Letícia Rodrigues - leticialbr@hotmail.com
Blog - http://pordentrodolivro.blogspot.com.br/

Reply
avatar
13 de abril de 2017 01:15 delete

Parece ser maravilhoso ❤❤

Reply
avatar
13 de abril de 2017 07:19 delete

O livro é interessante pois na história Deus(na figura de uma mulher) traz lembranças de situações que fazem Mark confrontar seus sentimentos.
E como o perdão pode ser libertador.

Reply
avatar
13 de abril de 2017 07:41 delete

O único livro que não conseguir terminar. Espero eu o filme me surpreenda.

Reply
avatar
ROBSTEN SITE
AUTHOR
13 de abril de 2017 08:04 delete

Me preparando psicologicamente para assistir. O livro realmente me jogou no chão.

Reply
avatar
13 de abril de 2017 09:16 delete

Li esse livro há muitos anos atrás e vou te falar, que tapa! Independente de religião, o livro transmite a mensagem claramente: amor acima de tudo! Vô te falar que esse me deixou destruída de tudo! Mas é um livro que não pode deixar de ser lido! Tive que comprar por 3 vezes, porque emprestei por duas vezes e não o recebi de volta. Só digo isso: leiam! E digo mais: pega a toalha, porque VAI chorar!

Reply
avatar
Jessica Alves
AUTHOR
13 de abril de 2017 09:34 delete

A uns anos atras eu tentei ler o livro, a história Não me prendeu, e depois de tantas pessoas me falarem sobre o filme, me bateu a vontade de ver, pra saber se é tão bom como dizem.

Reply
avatar
13 de abril de 2017 11:35 delete

Eu li o livro já faz muito tempo, é indescritível as sensações que nos atingem com essa história, espero que a adaptação para o cinema me faça sentir tudo outra vez, quero reler o livro, espero ganhar e chorar de novo!!

Reply
avatar
Unknown
AUTHOR
13 de abril de 2017 11:41 delete

Esse livro não fala sobre Deus fala sobre a vida do homem que perdeu a filha, esse livro não é teológico ele busca sessar algumas e fazer novas perguntas de como estamos vivendo.
Ainda não acabei de ler, mais estou encantada, acho que o autor consegue perfeitamente passar a mensagem que queria,mais estou amando.Imagino Deus do jeitinho que estou lendo!

Reply
avatar
13 de abril de 2017 15:02 delete

Tenho bastante interesse em ler o livro e assistir a esse filme.
Parece ser uma história pra lá de emocionante. Com um tema de arrepiar!
Vejo muita gente falando bem da obra e isso vem me deixando cada vez mais curiosa.
Espero conferir ambos em breve.
Beijos,
Caroline Garcia

Reply
avatar
Isa It Baby
AUTHOR
13 de abril de 2017 15:18 delete

Livro lindo e tocante, com uma história que me fez ficar morrendo de vontade de conhecer mais. Quero muito ler antes de ver o filme Hahahaha mania de leitor

Reply
avatar
13 de abril de 2017 16:09 delete

Tenho o livro li e olha fiquei abismada amedrontada pensativa tanta coisa esse livro nós ensina e nos faz pensar.eu amei maravilhoso.

Reply
avatar
13 de abril de 2017 22:21 delete

eu quero muito assistir, o livro base de adaptação é lindo,estou curiosa

http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

Reply
avatar
14 de abril de 2017 10:12 delete

Li o livro a alguns anos atrás e lembro que fiquei muito surpresa não esperava que ele me ensinasse lições tão profundas.Eu indico ele sempre que posso e estou louca para ver o filme.

Reply
avatar
14 de abril de 2017 11:43 delete

Eu sempre quis ler esse livro, mas nunca tive a oportunidade! Mas quero ir assistir.

Reply
avatar
15 de abril de 2017 14:36 delete

Muita gente q conheci falou q gostou do livro, eu ainda não li mas após o anúncio do filme reabriu minha curiosidade. Nem sabia do tema do livro kkkk mas assim como vc devo desidratar 😂

Reply
avatar