Resenha| Os segredos de Colin Bridgerton (Os Bridgertons #4), de Julia Quinn

15:30 9 Comments A+ a-

Romance de época | Editora Arqueiro | Classificação: 5/5 | Ofertas
Créditos: book-addict
Penelope é amiga dos Bridgertons há muito tempo, tanto tempo quanto ela ama Colin. E na mesma proporção de tempo, Colin a ignora com um fervoroso amor fraternal, mas, após uma longa estadia fora de casa, ele descobre que Penelope cresceu e toda atitude infantil e sem confiança dela se foi. No lugar disso, ela se tornou uma jovem esperta, inteligente e que não leva desaforo para casa. E quando parece que eles estão prestes a se entender, Penelope descobre um segredo de Colin que coloca tudo em cheque, mas ele não é o único que tem segredos. Se a confiança é a base de todo o relacionamento, parece que o de Colin e Penelope está fadado ao fracasso.

Por onde começar essa resenha? A verdade é que não faço ideia, pois toda a trama gira em torno de segredos, e eu tenho até medo de spoilar vocês, fazendo com que esse livro perda parte do brilho. Como sempre Julia Quinn consegue envolver o leitor a ponto de só parar de ler quando o livro termina, e os segredos da trama são apenas adicionais a escrita brilhante da autora. A história de Penelope e Colin é fofinha, e o amor dela por ele vem desde sempre, então o leitor já começa o livro apaixonado e torcendo para que tudo dê certo logo, o que é claro que não vai acontecer. 

''Colin não sabia quando acontecera ou se alguém além dele se dera conta disso, mas Penelope Featherington não era a mesma mulher que ele conhecia.''

Penelope sempre foi uma personagem meio que "coitada" para mim. Seja pela forma como a mãe dela a veste, seja porque todos julgam a beleza dela por não corresponder ao padrão imposto pela sociedade, mas ela mostra neste livro que de coitada não tem nada, nem mesmo a cara. Com uma língua muito rápida e uma inteligencia fora do normal, Penelope consegue encantar e hipnotizar o leitor logo nas primeiras páginas da história. Esqueça tudo que pensou sobre ela nos três primeiros livros, pois aqui é que conhecemos a personagem de fato.

" - Por que você não se dispõe a crescer e fazer algo que o mantenha num único lugar?
- Como o quê?
Ela ergueu as mãos num gesto do tipo 'não é óbvio?'.
- Como se casar.
- Está me pedindo em casamento? - Zombou ele, abrindo um sorriso bastante insolente"

Apesar de tudo isso, tenho várias - foca no: várias - ressalvas com relação à personagem. Infelizmente, em alguns momentos achei que ela se deixa subjugar e deixa sua inteligencia um pouco de lado para "entrar na onda". Principalmente, não gostei de uma coisa específica (que envolve o segredo) que me deixou esperando bem mais dela como mulher independente e bem resolvida. Já Colin, confesso que foi o primeiro Bridgerton que não me encantou desde o princípio. Na verdade, ele me deu raiva e depois foi me conquistando, e apesar de ter sido arrebatada por ele e passar a gostar muito dele, ainda não é meu favorito. Ele tem um jeito muito conquistador e amável, protetor e todas as boas características dos Bridgertons. O romance entre ele e Penelope foi bem desenvolvido, mesmo com as brigas entre os dois, o leitor vai se vendo a cada virada de página mais e mais apaixonado pelo casal.

"Talvez aquilo fosse a definição de amor, afinal. Querer uma pessoa, precisar dela e a adorar até mesmo nos momentos de fúria, quando se tinha vontade de amarrá-la à cama só para que ela não saísse e causasse ainda mais problemas."

O quarto livro da série é maravilhoso e mesmo com as falhas de caráter e na trama, não consigo não classificar como 5 estrelas. Apesar de não ser meu preferido, ainda tiro o chapéu para a autora e para a trama toda que ela conseguiu criar. Julia Quinn é a mestra dos romances de época, e ela prova isso com o casal mais improvável da sociedade Londrina.

Jornalista, taurina, viciada em livros, filmes, seriado e em conhecer novos lugares. Adora estudar inglês e acha que essa deveria ter sido sua língua mãe.

9 Comentários
Comentários

9 comentários

Write comentários
Michele Lopez
AUTHOR
17 de fevereiro de 2017 14:06 delete

Olá,
Essa resenha deve ter sido bem difícil de ser escrita, afinal toda a trama gira em torno de segredos e qualquer detalhe a mais pode virar um grande spoiler!
Ainda não fiz a leitura da série, mas estou com ela só me aguardando para ter inicio.
Já vi várias resenhas sendo bem positivas sobre esse quarto volume e muitas dizendo ser o melhor livro da série.
Colin é um personagem que provavelmente me cativaria por causa de suas características.

LEITURA DESCONTROLADA

Reply
avatar
17 de fevereiro de 2017 14:10 delete

Oi, Ray!
Nossa, todo mundo parece amar os livros da Julia! ~eu, particularmente, nunca li nenhum livro da série dos bridgerton, mas as narrativas parecem muito interessantes. Leitura é entretenimento, né? e com romances de época as autores precisam ter um cuidado ainda maior, que é o que me parece que a Julia tem. Acho que vou aproveitar esse um mês de férias da faculdade e ler o primeiro volume...
BJus!

Reply
avatar
Ju
AUTHOR
17 de fevereiro de 2017 22:27 delete

Também acho a Julia Quinn a mestra dos romances de época, rs, tanto que ela é a única autora do gênero que eu costumo ler! Ainda não cheguei nesse livro, mas adorei que mesmo com as falhas você não resistiu a dar cinco estrelas. Que bom que o romance foi bem desenvolvido e que a gente acaba se apaixonando pelo casal.

Reply
avatar
18 de fevereiro de 2017 21:33 delete

Olá!

Uau! Sua resenha é a primeira sobre a obra que faz ressalvas sobre a personagem. Todo mundo que leu essa série, elogia e dá cinco estrelas. Parabéns pela sua opinião sincera, precisava ler algo assim - mesmo que eu não vá ler o livro, já que não curto romances de época.

Reply
avatar
18 de fevereiro de 2017 23:54 delete

Oi, Ray!
Acho que já tem uns dois anos que estou de olho nessa série, curiosa em fazer a leitura, depois de tantos elogios, mesmo que romances de época em geral não sejam muito (para não dizer 'nada', rs) frequentes entre as minhas leituras. Fico interessada particularmente na dinâmica familiar de toda a família Bridgerton, tão querida por diversos leitores, mas é claro que os romances, cada um a seu modo, parecem ser apaixonantes e, ainda que no caso deste quarto volume ainda tenha ressalvas sobre os personagens, bom saber que, apesar disso, a autora consegue se manter firme e segura no enredo e nos brindar com mais uma boa história. Espero dar uma chance, ao menos ao primeiro livro da série, ainda esse ano, quem sabe... hehe ^_^ Enfim, ótima resenha!
Beijos!

♥ Sâmmy ♥
♥ SammySacional.blogspot.com.br ♥

Reply
avatar
20 de fevereiro de 2017 11:16 delete

Oi, Foi, sim, um pouco difícil, pois contar spoilers não dá, não é mesmo? Gosto de todos da série, amo a Julia Quinn. :)

Reply
avatar
20 de fevereiro de 2017 11:16 delete

Oi, Vi. Sim, eu sou suspeita para falar, pois amo os livros dela. Leia, e espero que goste.

Reply
avatar
20 de fevereiro de 2017 11:17 delete

Poxa, quem sabe você pode dar uma chance ao gênero. ;)

Reply
avatar
21 de fevereiro de 2017 19:50 delete

Olá

Eu não conhecia o livro até então, mas pela sua resenha o achei extremamente interessante, gosto de livros que te estimulam a devorá-los, com toda a certeza, será minha próxima leitura.
Beijos!

Reply
avatar