[Resenha] Destrua-me - J.L. Mac

11:38 2 Comments A+ a-

O livro Destrua-me é o primeiro da série Wrecked. A série é escrita por J.L. Mac e o livro é publicado pela Editora Charme. 

Aos vinte e cinco anos, Josephine Geroux é uma "zé ninguém", segundo sua própria definição e, apesar de não querer ser assim, ela se contenta com isso. Crescer órfã a transformou numa pessoa dura e indiferente aos outros, até que ela conhece um homem estranhamente familiar, com um rosto que a assombra por razões que ela não consegue entender. Mesmo fazendo questão de evitar interações com os outros, a vida de Josephine se entrelaça com a de Damon Cole, o enigmático estranho, e antes que se dê conta, ela se entrega à única pessoa que está perto o suficiente de destruí-la. Envolvente, sensual e extremamente emocional, Destrua-me irá te seduzir, apaixonar e conduzir à uma montanha russa de sentimentos, com a dolorosa vida de Josephine.
Josephine – ou Jo – é uma garota que vive bem, mas sem luxos. Mora só, trabalha numa livraria e tem um chefe mal-humorado, preguiçoso e idiota, mas que a ama como uma filha. O chefe de Jo chama-se Stanley Sutton. Apesar disso, Jo tem uma vida confortável. Ela perdeu seus pais aos 9 anos. Segundo ela, a capacidade de não baixar a cabeça e seguir em frente viera de seus pais, pois eles eram pessoas determinadas. Sempre no aniversário do acidente que matou seus pais, o passado era despertado. Passado este em que ela lembrava-se que era obrigada a revirar lixos à procura de alimentos ou a se esconder evitando ser estuprada.
“Quando se sofre uma perda tão grande, é como se o sol desse espaço para a noite chegar e nunca mais aparecesse novamente. E isso te deixa numa eterna solidão.”
Com a chegada da tecnologia, as pessoas começaram a deixar os livros impressos de lado e, consequentemente, os lucros da livraria em que Jo trabalhava estava caindo desde 1979. Mas ela amava aquele lugar em que trabalhava, amava ler, amava os autores e fazia de tudo pela biblioteca.
“Eu sou dependente desse monte de autores que dão seu sangue e deixam uma parte de sua alma no papel, para que os outros possam desfrutar. Cada livro nessa prateleira é um amigo. Eles são um dos poucos pilares da minha vida.” 
Mas num dia normal em sua vida, Josephine conhece Damon e a atração é instantânea. Eles começam a sair e ele começa a fazer parte de sua vida. 
“Você é a melhor coisa que aconteceu na porcaria da minha vida.”
Só que nada é perfeito. Josephine descobre algo que envolve a perda do seus pais e a família de Damon. Aí é que o "circo pega fogo". 

Gostei da história, apesar de achar que o segredo que envolve a família dos dois devesse ser dito antes. O bom do leitor descobrir isso só no fim é que podemos conhecer profundamente a relação de Josephine e Damon, mas, no meu caso, achei cansativo ler tantos momentos fofos, sexuais e afins. Claro que com a surpresa sendo dita no fim do livro, vai ser impossível não querer ler o próximo da série para descobrir como as coisas ficarão. Espero que no próximo não tenha tanta enrolação para chegar no tema principal do livro, pois é esse tema que nos faz querer engoli-lo. 

Sobre a relação dos personagens: é boa pra quem gosta de saber os momentos entre casais e tal. Mas achei meio repetitivo as coisas, ou seja, saiam, comiam ou cozinhava, conversavam – ou não – e transavam sempre. Era mais ou menos isso. Pra mim, foi cansativo. Mas a surpresa no final é boa o bastante pra salvar o próximo livro. Acho que valerá a pena continuar com a leitura do próximo livro da série Wrecked. 

Pernambucano, blogueiro e bailarino nas horas vagas. Para ficar mais próximos dos livros, escolheu ser revisor textual. Instagram/Twitter: @Jadsongomees

2 Comentários
Comentários

2 comentários

Write comentários
Teca Machado
AUTHOR
13 de março de 2015 15:36 delete

As capas da editora Charme são sempre lindas.
Então, me interessei pelo livro, mas só de saber que tem um milhão de cenas de sexo me cansa...
Legal saber que é uma série e tem outros vindo por aí.
:)
Sinto que vou gostar da Jo.

Seguindo o blog.
:D

Beijoooos

www.casosacasoselivros.com

Reply
avatar
Elis Culceag
AUTHOR
15 de março de 2015 19:36 delete

Eu adooooooro romances, mas esse tipo de série onde o mesmo casal protagoniza todos os livros acabam me cansando, fico com a impressão de que a história ficaria bem melhor se fosse enxugada num único livro.
Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

Reply
avatar