[Resenha] A Maldição do Tigre - Colleen Houck

00:27 12 Comments A+ a-


Que livro belamente descritivo. A Maldição do Tigre conta a estória de Kelsey Hayes, uma garota tímida, quieta, tranquila e que guarda uma represa de sentimentos dentro de si mesma desde a morte prematura de seus pais. Ela mora com pais adotivos e seus filhos, mas o que ela quer mesmo é conseguir vários empregos durante o verão para custear sua ida para uma Universidade. E é no seu primeiro emprego de verão que ela se emprega em um circo. O que a princípio seria um trabalho simples e fácil, tornou-se parte de sua vida. Neste circo ela conhece um maravilhoso tigre branco. Sua beleza é tão incrível que em pouco tempo Kelsey se vê envolvida pelo animal a ponto de querer tocar, ler e conviver com ele. Porém, o que ela não sabe é que uma grande maldição existe naquele animal, que na verdade é um príncipe indiano, Alagan Dhiren Rajaram, e que ela é chave para que tal maldição possa ser quebrada. E tudo que Kelsey menos esperava, acontece: uma enorme paixão rompe a sua barreira emocional e enquanto ela lida com o seu coração, ainda tem que descobrir como quebrar tal maldição que aprisiona Dhiren por mais de 300 anos.
"Aqueles olhos eram hipinóticos. Eles se fixaram em mim, quase como se o tigre estivesse examinando a minha alma."
Primeiro tópico que eu quero abordar na resenha é: A Maldição do Tigre não me prendeu desde o início do livro, muito pelo contrário, o início me deu vontade de abandonar, só  não o fiz porque a cultura e mitologia indiana estava me deixando mais e mais curiosa a cada descrição que a autora fazia. Por optar deixar o leitor a par do universo e cultura indiana a autora deixou o romance muito de fundo da estória, o que a fez se tonar um pouco massante para mim, que esperava por um romance. Entretanto, assim que me dei conta de como era o ritmo do livro me embalei na estória e segui firme. A cada ser mitológico que a Colleen vai apresentando o leitor que nunca teve contato com esse tipo de cultura, tipo eu, vai se surpreendendo e querendo conhecer mais e mais. Fora que o livro é cheio de cenas de ação, o que não deixa o enredo cair na monotonia.
" - Quando estou com você, me sinto humano novamente. Quando estou lá fora sozinho, eu me sinto uma fera, um animal."
Como personagens principais somos apresentados à Kelsey, Dhiren e Kishan, irmão mais novo de Dhiren. Ouso dizer que talvez o Sr. Kadam, um fiel empregado da família há séculos também seja um personagens principal, já que o próprio tem mais destaque neste livro do o Kishan. Tal como seu irmão, Kishan também sofre da Maldição do Tigre, que foi ocasionada por uma circunstância que faz o leitor remeter muito a antiga história bíblica de Cain e Abel. Ele é o Tigre Negro, e sua personalidade e áurea são literalmente negras, arredio e de temperamento explosivo Kishan só amolece quando o assunto é Kelsey. Muito diferente de seu irmão mais novo Dhiren, ou Ren para os mais íntimos, é humilde, doce e sente um profundo amor e vínculo pela Kelsey desde o primeiro momento. Ele sabe que apesar dela não se ver assim, ela é a mulher perfeita para ele e que ele não a vai perder de vista tão facilmente.
" - Kelsey?
-Sim?
- Eu queria sua permissão... para beijá-la."
Com dois personagens assim, esperava-se que a mocinha fosse algo arrebatador, mas confesso que fiquei muito desapontada com a Kelsey, principalmente nas últimas páginas do livro. Desde o começo ela se mostrou forte, disposta a ajudar e todas aquelas qualidades que todos desejam ter e apenas um por cento da população realmente tem. Contudo, de repente, ela se transformou em alguém frágil, sem opinião e totalmente tomada por uma repulsa por si mesma, um menosprezo que me deixou assustada. Era como se fossem personagens totalmente diferentes. Outro ponto que quero ressaltar é sobre o descobrimento da maldição por Kelsey, apesar de saber que é apenas um livro me imaginei no lugar dela, descobrindo tudo isso, e minha reação seria totalmente contrária a dela. Iria gritar, surtar, enlouquecer, para depois tentar compreender. Já ela, aceita tão facilmente que me assustou. Ficou quase como se ela já soubesse e só estivesse esperando confirmação de toda aquela estória.
"O irmão perigoso era Ren. Por mais inocente que o tigre de olhos azuis parecesse, era um predador irresistível. Absolutamente atraente - como uma planta carnívora. Tão atraente, tão tentador, tão mortal!"
Dei quatro estrelas para o livro, pois além de ter demorado a me prender de verdade, a Kelsey ainda não me convenceu como boa personagem principal. As aventuras que Ren e Kelsey enfrentam durante o processo de tentativa de quebrar a maldição, que envolve quatro etapas, sendo cada etapa, creio eu, quebrada em cada um dos livros da série, são o ponto alto da estória. Entre enfrentar árvores espinhentas, adagas envenenadas, miragens, macacos raivosos e macacos raivosos vampiros, Ren e Kelsey leva o leitor a explorar um cenário pouco explorado: Índia. E deixe-me falar novamente que a Colleen consegue fazer isso de forma majestosa. Palácios, príncipes, mitologia, romance, aventura e mais aventura. Misturas perfeitas para deixar o leitor com gosto de quero mais ao virar a última página do livro.

Jornalista, taurina, viciada em livros, filmes, seriado e em conhecer novos lugares. Adora estudar inglês e acha que essa deveria ter sido sua língua mãe.

12 Comentários
Comentários

12 comentários

Write comentários
Lia Christo
AUTHOR
27 de abril de 2014 01:06 delete

Oi Ray, que pena que você não se sentiu tão ligada ao livro. Eu amei esta série(já li e resenhei todos). Tudo bem, eu também tive vontade de dar umas palmadas na Kelsey de vez em quando kkkkkk
Eu amo a maneira com o a Colleen descreve os locais, os fatos e os acontecimentos na história. E desde o primeiro livro torci por Ren. Bjus
Lia Christo
www.docesletras.com.br

Reply
avatar
27 de abril de 2014 02:08 delete

Já li esse livro e gostei bastante, mas chega em um ponto do livro que Kelsey começa a surtar e encher a cabeça com ideias idiotas, estragando o relacionamento que tem com Ren! E até parece que são duas personagens diferentes, pois a Kelsey corajosa, compreensiva e amiga da primeira parte e aparece uma menina insegura.

Beijos
@pocketlibro
http://pocketlibro.blogspot.com

Reply
avatar
Yasmin
AUTHOR
27 de abril de 2014 14:42 delete

A capa desse livro é lindíssima (e dos seu posteriores também), mas apesar de ter muita curiosidade, nunca achei em um preço muito em conta, o que me desanimou. Gostei de saber que o livro tem toda essa coisa de ter vários obstáculos, mas fiquei meio com um pé atrás quando soube que a protagonista não te conquistou ainda.
De qualquer forma vou deixar na minha listinha, e quando eu achar uma promoção, vou comprar, porque morro de curiosidade.
Beijos,
Yasmin
deitadosnagrama.blogspot.com.br

Reply
avatar
Flávia
AUTHOR
27 de abril de 2014 15:57 delete

Com certeza o ponto alto desse livro parece ser a mitologia e a descrição que ele apresenta, pois pelo jeito a personagem principal não é uma protagonista muito carismática.

Thoughts-little-princess.blogspot.com

Reply
avatar
Wandressa
AUTHOR
27 de abril de 2014 15:59 delete

Tenho vontade de ler esse livro, porém não está no top 10 da minha lista, A sinopse não me chama atenção porque não curto esse tipo de história, mas todos dizem que é muito bom então vou dar uma chance assim que possível!

http://alguns-livros.blogspot.com.br/

Reply
avatar
27 de abril de 2014 18:59 delete

oie
eu comprei esse primeiro livro na época por causa da capa, mas me apaixonei pela mitologia indiana, que eu nunca tinha lido nada parecido. Mas concordo com sua resenha. A Kelsey muda drasticamente de atitude, no fim do livro ela mais parecia uma Bella Swan, nada parecida com a Kelsey forte do começo do livro. E sinto dizer, mas essa síndrome de inferioridade só piora com o passar dos livros, e no último é ainda mais descarado, porque ela se torna a paixão de TODOS os homens da série kkkkkkkkkk
Mesmo assim foi uma saga que valeu a pena ler. Kishan <3
bjos
www.mybooklit.com

Reply
avatar
Mariana FS
AUTHOR
28 de abril de 2014 10:12 delete

Oi!
Se você se decepcionou com a Kelsey nesse livro, espere até ver nos próximos. Ela se torna insuportável (simplesmente não há outra palavra para descrevê-la).
Assim como você, eu também adorei "A Maldição do Tigre" justamente por essa mistura encantadora de elementos que você citou. Mas confesso que me decepcionei muito com os livros seguintes. Espero que não aconteça o mesmo com você.
Beijos
alemdacontracapa.blogspot.com

Reply
avatar
Débora Alves
AUTHOR
28 de abril de 2014 13:46 delete

Já li várias resenhas desse livro, mas nunca despertei curiosidade para ler... Quem sabe um dia.
Adorei a resenha, xoxo
sorrisoselivros.com

Reply
avatar
Luiza
AUTHOR
28 de abril de 2014 13:58 delete

Ohhmmm Claro que já li esse livro, gostei mas não virei fã como uma amiga minha que simplesmente AMA RSrs
Bjs
http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

Reply
avatar
28 de abril de 2014 14:17 delete

Ai...eu não tenho muito interesse nesse livro e nem em outros da série. Sabe...sei lá não me chamam muito atenção e já vi outras resenhas dizendo que a personagem principal não convence.
Beijos!
Monólogo de Julieta.

Reply
avatar
nathy gouveia
AUTHOR
1 de maio de 2014 17:32 delete

Essa série do tigre pra mim foi uma das melhores leituras que fiz nos últimos anos. Eu amei o livro desde o começo, a Kelsey tem algo que te faz se apegar a ela de maneira única, acho que em grande parte pela força da personagem e pelo seu desejo de ajudar o próximo muitas vezes esquecendo a si própria e as consequências negativas que aquilo poderá trazer para ela. Dizer que amei essa série da Colleen Houck é pouco pois encontro palavras de descrever o tamanho da fixação que eu desenvolvi e não sosseguei enquanto não li todos lançados até o momento....estou na expectativa do próximo da série e recomendo o livro a todos. A cultura indiana retratada nele é muito envolvente...assim como o enredo. Apesar de que comparações sempre são feitas e eu até entendo, pois cheguei a comparar esses triângulo amoroso aí pré-formado com o de outras séries, como em Vampire Diaries por exemplo. Mas como um todo...acho o livro simplesmente fenomenal!

Reply
avatar
Lara Lange
AUTHOR
26 de maio de 2014 23:58 delete

Acho essa capa maaaaravilhosa! Mas sempre que leio a sinopse acho que não vou gostar, que não vai me prender!
Gostei da sinceridade na resenha, muitas das protagonistas são sem graça, mas são super estimadas por aí. Me deixou com mais vontade de ler do que as demais resenhas que li por aí!

um beijão Lara!
http://meusmundosnomundo.blogspot.com.br/

Reply
avatar