[Do Leitor] Um dia com a Silvia Day

22:53 5 Comments A+ a-

Todo mundo sabe que a Silvia Day esteve no Brasil, e que eu não fui em nenhum dos lugares que ela compareceu, porém a nossa leitora Arii, foi. Ela concordou em dar seu depoimento sobre a preparação para todo o evento. Foi um dia corrido para ela. Confere:



Dia 11 de setembro, foi marcado como um dia inesquecível para aqueles que faziam contagem regressiva para a noite de autografo da escritora Sylvia Day em São Paulo, e claro eu estava muuuuuuito ansiosa/nervosa para que o dia chegasse o quanto antes, que mal dormir a noite de ansiedade. 



Eu combinei com a minha mãe de irmos logo que eu chegasse da escola para que fossemos pelo menos as 70 primeiras pessoas da fila, e assim foi. Cheguei ao shopping era umas 15:20 da tarde, e já tinha bastante gente à espera, tinha pessoas desde às 10 e 11 da manhã. Fiquei quase umas 2 horas na fila esperando, até que os seguranças começaram a levar as pessoas de 10 em 10 para dentro, e organizar no espaço que é reservado na livraria Saraiva para esse tipo de evento. Não demorou muito e uma das organizadoras passou de fileira em fileira para entregar um adesivo onde escrevia nosso nome para que a Sylvia pudesse ler e autografar os livros, minutos depois outra moça foi na frente e explicou como aconteceria o evento, que seria APENAS 2 livros por pessoa (mas teve pessoas que ela aut 3, contando com o meu rs); Então distribuíram as pulseirinhas com números e quem perdesse, ou rasgasse, fizesse qualquer coisa com a pulseirinha e não a tivesse no braço, eles iriam retirar do local. 



Era umas 18:30 quando um casal disse que ela já havia chegado, e todos ficaram eufóricos, e a ansiedade bateu ainda mais forte. Uns 15 minutos para o começo, a Sylvia apareceu e começou as perguntas; fizeram no total umas 7 perguntas e as respostas sempre foram extensas e complexas.

Perguntaram como os filhos dela reagiam em relação à ela escrever livros para adultos, em ter uma vida como de escritora, que ela sai para viajar a todo tempo; ela respondeu que eles entendiam, apoiavam, mas o de 14/15 anos fica meio envergonhado em ir na casa de colegas e ver as mãe comentando sobre os livro, mas tirando isso, eles a apoiam muito. Em quem ela se inspirou para fazer o Gideon, e ACREDITEM pessoas, ELE EXISTE!!! E está em Manhattan, ela disse que um dia ela estava andando pela rua e viu um rapaz, lindo de terno preto e cabelo preto saindo de um prédio e ela ficou  ali, admirando o rapaz que estava mexendo no blackberry e logo chegou um carro e ele foi embora, então ela pensou "quem é a sortuda, que tem esse homem em casa?" Ela não o conhece, mas tem a imagem dele em sua mente, e o descreve no livro. 

Sobre a série Crossfire, como ela descobriu que não seria uma trilogia e sim uma série, e a serie de tv; ela apenas disse que no segundo livro ela já sabia que seriam cinco livros, já que Gideon ainda tem muitos problemas e não poderia acabar no terceiro livro, e explicou o acontecimento com a editora no terceiro livro, já que publicaram em ebook primeiro, e as livrarias cancelaram as compras dos livros impressos, e ela ficou triste com isso. E sobre a serie, que ela estava acompanhando tudo de perto e está em processo inicial, por que ela quer que seja leal aos livros e tinha um ator em mente para poder interpretar Gideon: Henry Cavill, e citou um dos trabalhos do ator, The Tudors, para entendermos o porque da escolha. Respondeu as outras perguntinhas, e logo começou a sessão de autógrafos.


SIM, SYLVIA DAY É UM AMOR DE PESSOA! Ainda mais, quando infelizmente uma fã caiu ao descer a escada e ela foi verificar se estava tudo bem, e todos começaram a gritar "Sylvia, Sylvia" (chorei um pouco, pelo fato dela passar ao meu lado rs) e ela desceu emocionada para retornar ao seu lugar. Assim, ela estava autografando um livro, e a lagrima escorreu pelo seu rosto e acabou caindo em cima desse livro, ela rapidamente pegou um lenço secou os olhos e aonde a lágrima havia caído.

Então felizmente chegou a minha vez, eu fiquei muito tremula e comecei a chorar muito e falar que amava ela, que ela era uma fonte de inspiração para mim e etc. Ela ficou me olhando e depois me abraçou forte e fiquei abraçada com ela uns 15 segundos e chorando, então depois que nós nos afastamos, ela pegou a bolsa dela e começou a procurar algo, e de repente ela tirou 1 lenço de dentro da bolsa e me entregou, fiquei sem reação e ela olhou para mim enxugando os olhos e como eu estava tremula, mal consegui compreender o que ela falou, porém, pelo gesto deduzi que era 'não chore, se não eu chorarei também" ela me abraçou mais uma vez eu disse "volte logo" e ela sorriu...



To com invejinha da Arii, mas estou feliz por ela ter conseguido o que queria. Parabéns!

Jornalista, taurina, viciada em livros, filmes, seriado e em conhecer novos lugares. Adora estudar inglês e acha que essa deveria ter sido sua língua mãe.

5 Comentários
Comentários

5 comentários

Write comentários
12 de setembro de 2013 23:16 delete

Ray, imagino como os fãs devem ter aproveitado! Nossa, é muito bom ficar perto dos nossos ídolos...

Abraços, Isabela.
www.universodosleitores.com

Reply
avatar
13 de setembro de 2013 09:09 delete

Oiiii,
Ai Ray, inveja é pouco, estou me rasgando...aushauhshuahsuahsa
Adorei, acho que teria um troço perto da Sylvia. Estava comentando com minhas amigas, como ela é diva né, com aquele cabelão e o melhor de tudo ela é acessível...
Pena que ela não veio a Porto Alegre... :(
Beijos.
Katielle
Leitura Maravilhosa

Reply
avatar
nathy gouveia
AUTHOR
13 de setembro de 2013 20:26 delete

AHHHHHHHHHHHHHH que inveja!
queria meu livro autografado tbm!

Reply
avatar
15 de setembro de 2013 09:48 delete

Duas coisas bacanas nessa postagem: você abrir espaço para leitora contar essa experiência e ela conseguir participar de algo inesquecível.
Não conheço a obra da autora, mas achei muito interessante o que ela disse sobre o rapaz que a inspirou na criação do personagem. Também fiz isso uma vez, porém, felizmente, depois conheci a garota e ela era tão incrível quanto "sonhei" kkkk

Parabéns pela postagem.
Beijos!
Ricardo - www.overshockblog.com.br

Reply
avatar
16 de setembro de 2013 23:04 delete

Ahh gente, é tão bom quando um ídolo é receptivo e é muito alem das nossas expectativas. Fiquei muito feliz por ler esse depoimento. Parabéns!!!

Bjs, @dnisin
www.seja-cult.com

Reply
avatar