[Resenha] Destrua-me - Tahereh Mafi

12:30 7 Comments A+ a-



Socorroooo, estou balançada. Como que a Tahereh faz isso com a gente? Tenho certeza que ao ler Estilhaça-me todos acharam que o Warner era o maior 171 que não merecia a Juliette e todo esse papo, ai a pessoa vai na maior ingenuidade ler Destrua-me e fica destruída literalmente! Esse livro vem entre o primeiro livro da série e o segundo.

“Você já me desapontou de tantas maneiras. Por favor, não faça isso novamente.“

O conto é narrado pelo ponto de vista do Warner e continua exatamente onde Estilhaça-me parou, o que é algo muito legal para quem ainda não leu o livro dois. Neste conto a gente descobre muitas, muitas coisinhas sobre esse vilão. Quem é/era team Adam vai entender a minha situação, quando digo que comecei a ler o livro já com nojo e ai fui mudando a expressão do rosto de acordo com as viradas de páginas. Não tem como ficar imune a tudo que ela descreve ali.
"O amor é um cretino perverso e sem coração. Estou ficando louco."
Dou meu braço a torcer porque realmente o livro muda seus pensamentos sobre toda a trama que foi desenvolvida no livro um, faz você parar para pensar que assim como na vida real, na literatura as vezes também é necessário saber os dois lados da estória. Warner não é nada  do que a Juliette pensa, ou que eu pensava. Em um mundo onde todos tentam sobreviver, ele não é diferente, apenas está cercado por mais luxo que algumas outras pessoas, porém qual o preço que ele precisa pagar por ter isso tudo?

“E foi então que percebi: essa sensação estranha e inexplicável de que talvez ela fosse a única pessoa do mundo pela qual eu poderia realmente me importar.“

Nunca imaginei que mudaria de opinião sobre um personagem tão rapidamente quanto aconteceu com esse conto, porém, uma aspa muito necessária aqui. Não acredito que a autora vá simplesmente soltar que a Juliette vai se apaixonar pelo Warner do nada, porque se ela fizer, terá meu ódio para todo sempre. Juliette é apaixonada pelo Adam, se a autora não construir muito bem tudo que esta por vir irá me frustrar totalmente. Espero uma boa desculpa se ela planeja separar a Juliette do Adam.

Amei o conto, ele ampliou minha visão para a estória e apesar do Warner ter se mostrado o cara, eu ainda, por uma fina linha, sou Team Adam. Vou esperar para o futuro e ver o que a autora nos reserva. E quem ainda não leu o livro, mas gostaria de ler, a Novo Conceito o disponibilizou gratuitamente em ebook no seu. É só clicar aqui.

Jornalista, taurina, viciada em livros, filmes, seriado e em conhecer novos lugares. Adora estudar inglês e acha que essa deveria ter sido sua língua mãe.

7 Comentários
Comentários

7 comentários

Write comentários
24 de agosto de 2013 20:17 delete

Eu totalmente entendo você. Também sou team Adam, mas esse conto balança a gente mesmo. Dai vem o segundo e parece que a balança pende novamente e depois mais uma vez com esse conto sob o ponto de vista do Adam. Sei não, espero que a autora saiba o que ta fazendo.

Bjs, @dnisin
www.seja-cult.com

Reply
avatar
Alessandra
AUTHOR
24 de agosto de 2013 22:43 delete

Ôpa, fiquei interessada por essa série... mas tinha que ser série também? Por que os escritores não fazem como o Tólstoi e lançam logo um livro 2 mil páginas de uma vez? Eu sei, é para as editoras lucrarem mais.... mas mesmo assim, estou pegando verdadeiro abuso de séries. :(
Já vou colocar esse aí na minha lista!

Reply
avatar
24 de agosto de 2013 23:33 delete

Olá.
O livro é de "embolar" nosso cérebro kkkk se é que me entende,certo?
la muda totalmente o nosso jeito de pensar do Warner o que acho que vai me prejudicar em liberta-me (=
Sua resenha ficou ótima.
Beijos
Tamires C.
http://de-tudo-e-um-pouco.blogspot.com.br/

Reply
avatar
25 de agosto de 2013 00:53 delete

Tenho os dois livros lançados, mas ainda não li rs.
Esse eu vi em outros blogs, mas tb não baixei kkkkk.
Gostei da capa e sempre gosto de ver o outro lado do personagem, conhecer seus sentimentos, seu medos. É algo diferencial de toda série, deixa tudo mais incrível e o leitor se torna mais "intimo" do mocinho.
Caixinha de Correios #26.
Confere lá!
Manuscrito de Cabeceira
Bjs.

Reply
avatar
25 de agosto de 2013 18:52 delete

O livro é muito bom e tem uma narrativa completamente diferente de Estilaça-me, já que é Warner quem narra e não temos os pensamentos confusos de Juliette com seus traços. Se for para char um defeito, é que o livro é muito curto e nos deixa com gostinho de quero mais, mas como ele é basicamente a introdução de Liberta-me, não podia se alongar muito com os fatos, só gostaria de conhecer mais do passado de Warner,

Já estou seguindo e curtindo ;)
Beijos
@pocketlibro
http://pocketlibro.blogspot.com

Reply
avatar
26 de agosto de 2013 17:12 delete

kkk Realmente esse conto muda a visão que o leitor tem do Warner... Eu já gostava do jeito vilão dele ser...mas veremos o que vai acontecer daqui para frente.
Beijos!
Paloma Viricio-Jornalismo na Alma.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
5 de março de 2014 14:23 delete

Eu estou um tanto confusa. Entendi até agora que é #1 Estilhaça-me, #2 Liberta-me... E tem o Destrua-me que é basicamente com A breve segunda vida de Brre Tanner (De Stephanie Meyer), Destrua-me é como o 1.5 no meio dos dois. Mas e a sequencia de Liberta-me? É Ignite-me ou Unravel-me? Como se diz esses dois nomes em português?
Obg desde já, Jady S.

Reply
avatar